Blog Autofinanciar

Tudo que você precisa saber sobre Open Bank e Open Finance para o mercado de concessionárias e revenda de veículos.

Um Novo Marco Revolucionário

Image
A inovação como conceito traz ao mercado um novo marco revolucionário, grandes empresas e corporações que faziam muito do mesmo, seja com produtos ou serviços, viram novas empresas, startups ou até mesmo autônomos criativos ganharem o mercado mudando o cenário e a perceptiva de vendedores e consumidores por todo o mundo. Hoje poucas pessoas usam  telefone fixo, a maioria possui o mundo em suas mãos através de smartphones, tablets e similares, cada vez mais aplicativos na sua tela inicial facilitam o seu dia a dia, sejam eles apps de mobilidade como UBER, 99 Taxi, Leve-me Cabify, apps para delivery como Ifood, Ube-Eats, Rappi, Pizza  Express, Apps de hospedagem como Booking, Trivago, Hoteis.com, Hurb, Airbnb, Apps Comparativos de preços como Buscapé, Bomfaro, Quebarato, Modait dentre tantos outros que estão mudando a maneira que as pessoas produzem, consomem e administram suas vidas. Hoje basta você pensar em uma necessidade e entrar na Apple Store ou Google Play digitar uma palavra e encontrará uma App relacionado ou específico a sua necessidade, e assim, todos os dias surgem mais empresas utilizando a tecnologia para inovar e facilitar os seus negócios e a vida das pessoas.

Nesta nova era de inovação, em todos os segmentos encontramos novas soluções e aplicações inovadoras, os bancos digitais nasceram a pouco tempo e já estão causando grande impacto no segmento. Recentemente um dos pioneiros no mercado digital brasileiro o Nubank, recebeu em uma rodada de investimentos $400.000.000,00 e elevou seu valor de mercado a R$25.000.000.000,00 o que demonstra que o segmento financeiro tem grande potencial e esta descobrindo novas maneiras de se desenvolver. O mercado mudou, e tem olhado de maneira diferente para o comportamento do cliente que não deseja, e já não precisa mais ficar em fila, ou na espera por  horas para ser atendido por seu gerente, ele quer facilidade e agilidade, quer respostas rápidas e soluções imediatas, e é com este conceito que os bancos digitais trabalham, oferecendo aos clientes todos os serviços de um banco físico, porém tudo isso na palma da mão, o que a 10 se imaginava praticamente impossível ou ainda muito distante, agora chegou.
Como dizia George Allen, político do Partido Republicano americano “O futuro é agora”.

O mercado financeiro mundial é um dos pioneiros em utilizar tecnologia a seu favor, oferece e utiliza ferramentas inovadoras em praticamente todo sistema, porém, a ponta onde esta o cliente nem sempre foi a mais beneficiada. Pensando em melhorar esta imagem, nasceu na Inglaterra um novo conceito com novas ferramentas e funcionalidades para o mercado, o Open Banking. Um novo marco regulatório, onde o cliente é dono da sua informação, com isso, ele pode oferecer suas informações e históricos antes pertenciam ao Banco X, para os demais bancos do mercado a fim de ampliar seu relacionamento com outras instituições considerando seu histórico bancário anterior, podendo assim receber propostas de investimentos ou de crédito como já houvesse uma relação estabelecida com o banco. Além disso, o Open Banking vem para renovar o sistema financeiro de instituições, empresas e pessoas, abrindo portas para que novas ferramentas e benefícios sejam criados, e dando oportunidade a novas empresas entrarem em um mercado competitivo e dominado por grandes bancos, mas também, e principalmente beneficiando os clientes que possuem a liberdade de melhor escolher sobre produtos e serviços que melhor atendem as suas necessidades.

O nascer de um unicórnio
As pessoas não aceitam mais continuarem presas e reféns de uma única instituição ou empresa, e estão cada vez mais buscando soluções práticas e tecnológicas para o seu dia a dia, o que antes se achava lazer locar fitas cacetes ou DVDs, hoje temos diversos aplicativos de Stream, como Netflix ou AmazonPlay que oferecem uma grande variedade de filmes e series sem precisar sair de casa, e o que dizer sobre pedir pizzas em qualquer dia e horário da semana? Hoje com o Ifood ou ubereats, podemos escolher de comida mexicana ao sushi em alguns segundos com poucos clicks, podemos programar uma viagem sem ter que esperar em filas maçantes, sacrificar nosso tempo e muitas vezes ter um atendimento insuficiente pela falta de informações, ou até mesmo pela falta de agilidade no processo e efetivação da compra, comprometendo em alguns casos por completo o prazer de uma boa viagem.  Hoje, em poucos minutos entramos em um app que compara preços de passagens, hotéis, pacotes turísticos e até mesmo aluguel de carros, onde oferecem as melhores ofertas, avaliadas pelos próprios clientes que já experimentaram o produto ou serviço.
Ficou mais fácil, prático e econômico usufruir dos benefícios da tecnologia, sendo assim, aqueles que oferecem as melhores soluções e caminham na vanguarda das novidades tecnológicas, ampliam e consolidam velhos e novos mercados, além de garantir a maior e mais expressiva fatia dos consumidores. Exemplo disso é a empresa Uber, nasceu da necessidade de diminuir o tempo de espera dos Taxis, onde passou a oferecer a possibilidade de motoristas autônomos usarem seus veículos para transporte de passageiros, consolidou-se no setor e na sequência implementou o sistema de entregas “delivery”, incrementando seus aplicativos e serviços com entregas de encomendas e até mesmo nos dias de hoje oferecendo viagens com preços e roteiros diferenciados daqueles convencionais. É assim que nasce um unicórnio, com a visão e aplicação prática de entregar ao cliente, não só aquilo que ele precisa, mas também se adaptando, criando e entregando aquilo que ele nem imaginaria poder receber.

Categoria: Fintech

Compartilhe: